Skip to content

Se bem me lembro

Fevereiro 21, 2010

Se bem me lembro, a coisa, por cá, sempre esteve preta, cada vez pior, uma pouca-vergonha. Em voz alta ou em sussurros, consoantes os ventos de liberdade o permitiram, sempre ouvi esta lamúria ao longo do tempos. E o que fizemos para mudar isso? Nada ou, então, muito mas que depois, face às trapalhadas, redundou em novo nada.

Se me lembrar bem do que ouvi ao longo dos anos do eterno taxista que, de vez em quando, me transporta, ou da minha querida porteira, tenho a sensação que escutei, em quase meio século, a mesma canção apenas trinada em tons diferentes.

Senão, vejamos as palavras do Arnaldo e da Isilda que me acompanharam:

Tempos_de_Transicao_(Img)

Início de anos 70

taxi-blanco – (baixinho, entre dentes) Isto cada vez está pior, vêem com estas coisas da Primavera e depois é uma rebaldaria, uns têm tudo e não fazem nenhum e outros morrem a trabalhar e não têm nada, a não ser filhos para mandar lá para África para os turras darem cabo deles. Não é que antigamente estivesse melhor, que eu tive que vir embora da aldeia pois a fome era tanta que os meus pais, analfabetos, tiveram que nos pôr a mexer, mas agora é demais, só vejo essas flausinas de cabelo grande, que nunca não se sabe se são homens ou mulheres, a passearem pelas ruas sem fazerem nenhum.

velhinha-2Uma pouca-vergonha, as ruas andam cheias de guedelhudos e galdérias de minissaia, o Marcelo veio com estas falinhas mansas e é o que deu, eu até gosto muito de o ouvir ao serão, mas ele tem que tomar cuidado, qualquer dia não tem mão nisto. Imaginem que até a menina Sãozinha, a filha da D. Lurdes, sempre tão querida, no outro dia saiu aqui com uma saia que se lhe viam as cuecas e depois entrou num carro onde estava um rapaz, que eu só vi que era homem pela barba, tinha um cabelo mais comprido do que o da minha Cilinha.

25abril10

Pós Revolução

taxi-blancoIsto está cada vez pior e a culpa é destes revolucionários que puseram o país de pantanas ao ar, trouxeram ao colo os comunistas e foi o bom e o bonito. O pessoal da massa zarpou todo, vamos ficar entregues aos bichos. Os militares fizeram-se para guerrear não é para se meterem com os governos.

velhinha-2Uma pouca-vergonha, ninguém tem respeito, são manifestações por todo o lado, dizem mal de todos, dão cabo de tudo. A D. Teresinha, que vinha aqui visitar a D. Lurdes, coitada teve que fugir para o Brasil, sem nada, só com a roupa que tinha no corpo, as empresas e as propriedades foram todas ocupadas pelos comunistas que aprecem por todo o lado. Apesar de tudo, já escreveu a dizer que está bem, que arranjou um apartamento em Copacabana, mesmo junto ao mar e que estão a refazer a vida.

RegressodeMarioSoares1

Finais anos 70

taxi-blancoIsto está cada vez pior e a culpa é deste Mário Soares que entregou a grande parte do país aos pretos, sim, porque, quer queiram quer não, as colónias são Portugal. Os pretos vão dar cabo daquilo tudo, aquilo é lá gente para se saber governar, e nós vamos ficar na miséria sem a riqueza do Ultramar. Agora o Marocas e a trupe dele querem entrar para a Europa, mas quem é que nos quer?!

velhinha-2Uma pouca-vergonha, isto não se aguenta, os preços a subir dia a dia, só o pão aumentou 2 tostões este ano. Entregaram as colónias, agora é o que dá, não temos produtos fica tudo mais caro. Nós produzíamos tanta coisa. O Sr. Lopes da pastelaria, que tinha lá umas roças de café que enchiam sacos e sacos que davam para o país inteiro, diz que qualquer dia não vai haver café nem açúcar, que andamos a comer o que estava em cá armazém. Pelo sim pelo não, a minha despensa já está abastecida.

70437288_54d1a80d65_o

Início dos anos 80

taxi-blancoIsto está cada vez pior e agora com a morte do homem é que vai ser. Os comunistas levaram a deles avante, como não conseguiram governar meteram uma bomba no avião a quem ia pôr mão nisto. Agora vai ser o bom e o bonito, vão se comer uns aos outros pelo poleiro e o Balsemão consegue lá faz alguma coisa, o homem percebe é de jornais, e ao que parece sempre foi pessoa branda, isto precisa é de uma mão de ferro.

velhinha-2Uma pouca-vergonha, matam o primeiro-ministro e ninguém lhes deita a mão, estes comunistas devem estar bem treinados para não ser apanhados, deve ser o que os russos lhe ensinam. Numa altura em que vinha alguém fazer alguma coisa e pôr isto na ordem tinha que haver esta tragédia. A D. Lurdes, que tem o filho num ministério, diz que pode haver gente graúda metida, mas eu não acredito, só pode ter sido obra dos comunistas.

adesao_cee

Meados anos 80

taxi-blancoIsto está cada vez pior e a culpa é outra vez do Mário Soares, já não lhe bastou ter entregue tudo aos pretos, agora põe-nos a nós a pão e água, só impostos, só a sacarem o nosso para eles se encherem à grande, ele cada vez está mais bochechas, pois não, ao que roubam, bem podem engordar a pança. Isto, precisa é de um novo Salazar.

velhinha-2Uma pouca-vergonha, isto não se aguenta, cada vez se compra menos coisas, tudo a subir tudo, a subir, este Marocas cada vez que vai para o governo só nos trama, a nós que somos povo, porque eles, no poleiro, estão todos bem, olha o filho da D. Lurdes, agora lá no ministério até o vêm aqui buscar num grande carro, acho que é director de não sei quê.

cavaco1

Início anos 90

taxi-blancoIsto está cada vez pior, este Cavaco até começou bem, pôs ordem nisto que andava tudo numa rebaldaria, o homem cortou a direito, mas agora está a perder a mão, é toda a gente a roubar. Vêm lá esses dinheiros todas da CEE e é quem mais se abotoa. Um compadre meu, que tinha lá um quintal abandonado, já conseguiu umas massas para agricultura que deu para comprar um bruto carro e uma casa no Algarve. Eles falam, falam, mas são todos os iguais, aqui o Zé povo é que se aguenta, na labuta todos os dias e a não conseguir nenhum. Isto, só mesmo um Salazar é que endireitava o país.

velhinha-2Uma pouca-vergonha, as pessoas não fazem nenhum e têm dinheiro por todo o lado. O Cavaco bem que podia ter muito boas ideias, mas as pessoas com que se rodeou são do pior, é tudo a encher-se. Olha a D. Lurdes, que desde que o filho subiu lá no ministério, acho que está num gabinete de um ministro, agora até monte no Alentejo tem e, ainda por cima, farta-se de viajar com o dinheiro que lhe vem, parece que a agricultura, com aquilo das Europas, dá muito.

800PX-~1

Início anos 2000

taxi-blancoIsto está cada vez pior e a culpa é deste Guterres que é um mole, fala, fala, ouve toda a gente mas nunca decide nada. Agora vamos apertar o cinto outra vez porque vem aí o Euro, e andamos nisto, sempre a apertar para eles esbanjarem. Só há dinheiros para os funcionários públicos, para esses nunca lhes faltam nada, é só regalias. Cambada de malandros, se fossem trabalhar a sério é que prestavam um serviço ao país. Com o Salazar não era assim, esse ao menos encheu os cofres de ouro, para esta bandidagem, agora, derreter.

velhinha-2Uma pouca-vergonha, os preços estão pela hora da morte, com esta coisa do euro foi quem mais roubou, não há respeito. Ainda por cima uma pessoa fica doente e precisa de meses para conseguir uma consulta. Tantos anos a trabalhar e depois quando precisamos é isto, para nós não há nada e para eles há sempre tudo. Olha a D. Lurdes cheia de dinheiro e quando precisou de ser operada às cataratas foi para uma boa clínica e o estado é que pagou, o SAMS ou lá o que é, do defunto marido serviu para isso tudo.

socrates

Actualidade

taxi-blancoIsto está cada vez pior e a culpa é deste Sócrates que é um bandido e um mentiroso, está a estourar com este país e ninguém faz nada. Parece que a única coisa com que se preocupou foi com a paneleiragem, ele lá sabe! Na boa da verdade, até começou com alguma garra, havia que meter mão nisto, mas agora é um desgoverno total, só aldrabices. Também os anteriores deixaram isto como deixaram, um fugiu para a Europa rica, o outro só queria festas. Esta gente toda na miséria e eles a estourarem o dinheiro sabe-se lá onde. Este país não tem solução, só gente a viver à mama do estado e eles a alimentarem isso, agora é a laia do Sócrates mas depois é a laia do outro que vier, são todos iguais. Ai se viesse outro Salazar!

velhinha-2Uma pouca-vergonha, é o despautério total, só mentiras, só roubalheira, tanta miséria e não fazem nada, a única coisa com que se preocuparam foi com essa coisa dos gays, imaginem agora os homens casarem com os homens, onde é que já viu uma coisa dessa?!. Olha o irmão da D. Lurdes, um senhor tão bem educado, um solteirão toda a vida, e agora foi-se a ver, o motorista que tinha era amante dele. No final, depois de ter estado sempre ao seu lado enquanto ele esteve doente, acabou por ficar com tudo pois assim estava no testamento. Agora, anda tudo enrolado em tribunal. Coitada da D. Lurdes está que não se aguenta, imaginar que algumas das pratas e as loiças que eram de sua mãe vão parar às mãos de um mariconço brasileiro. O mundo está perdido, essa é que essa, felizmente que já não vou estar cá muito tempo para ver o fim de tudo, a minha espondilose não me vai deixar.

*****

Sei que a memória é fraca mas, parece-me a mim, que ouvi sempre a mesma coisa. A ideia com que fiquei, foi que os nossos governantes eram, assim, uma espécie de extraterrestres que nos caiam do céu, sem sabermos como, e que vieram cá apenas para nos sugar, a nós povo inocente, que sempre soubemos   o que queríamos mas que, por fatalidade, nunca conseguimos fazer nada.

Temo que, afinal, quem esteve sempre nos governos foram o Sr. Arnaldo e a D. Isilda, em sósias embalsamados pela mesma música. Só tenho pena que eles não me possam confirmar esta tese, ultimamente não os tenho visto. Acho que escrevem nuns blogues.

Anúncios
8 comentários leave one →
  1. Paula permalink
    Fevereiro 21, 2010 4:39 pm

    Pois é…

    Tens razão …as frases, as palavras, as reclamações são sempre as mesmas…

    Mas o que eu não esqueço, é que existem povos que só podem ser governados por pulsos “fortes” , outros que se deixam governar , outros que sabem “governar” e …existe o povo português …

    Esta mistura genética da qual somos feitos, é unica , para o bem e para o mal. Teremos que deixar de assinalar o lado negativo, pois esse, perante os nossos genes de “coitadinhos” e de “desgraçadinhos” só nos leva á depressão conjunta …

    Temos muitas coisas positivas. Temos pessoas que diáriamente lutam para contradizer , tanto as previsoes económicas , como as sociais. Temos pessoas que dedicam a sua vida nas sombras e sem holofotes, aos outros. E devemos pensar nestas pessoas , olhar para elas e não bajulá-las ou torná-las heróis…mas sim “olhar” para elas e tantar fazer o mesmo …na sombra e todos os dias . Não como obrigação , mas sim instintivamente , nem que seja por uma questão de cidadania e de valores.

    E isto serve tambem para algo que te vi escrever sobre um possivel candidato 🙂 Adorei ler a tua “esperança” , mas contrariamente a ti , eu aprendi a desconfiar de certas ambiguidades humanas 🙂

    Beijocas e fujo!

    Paula

    • bp63 permalink*
      Fevereiro 22, 2010 7:54 pm

      Paula

      Realmente temos pessoas muito boas, mas quando juntamos a massa o som que sai é algo muito ruidosamente silencioso, em que vamos falando por tudo e por nada mas quando chega a hora de agir continua-se a mesma cantiga de sempre.

      Os políticos e as políticas que temos são fruto daquilo que somos e daquilo que fizemos ao longo do tempo.

      É altura de dar o salto, agora ou nunca.

      Bjs

  2. Fevereiro 21, 2010 8:11 pm

    olha, se bem me lembro, era mesmo só essa frase ‘se bem me lembro’ que conseguia ouvir durante anos… o meu avô, resistente comunista, ia logo muito depressa apagar a televisão…

    por isso nunca soube o que aquele senhor de óculos se lembrava, mas lembro-me que as pessoas viviam com medo… lembro-me dessa sensação de medo…

    agora o único medo que tenho é que vivamos com medo outra vez… medo de falar, medo de perder o trabalho, medo do dinheiro não chegar durante o mês, medo de trabalhar toda a vida e não ter dinheiro para os remédios de ser velho, medo dos filhos não terem trabalho nem ao menos espaço para sonhar o futuro…. se bem me lembro, não me esqueço

    beijos

  3. bp63 permalink*
    Fevereiro 22, 2010 7:58 pm

    Jo

    Claro que também me lembro do medo, apesar de ter uma idade em que isso, na altura, era uma leve sombra.

    Os teus medos são os nossos medos, e é por isso que escrevi, porque há uma maioria silenciosa, que vai fazendo barulho do nada e que depois escolhe sempre as mesmas coisas. Nunca vi um povo dizer tão mal dos seus governantes e escolher sempre os mesmos, mais coisa menos coisa. Sinceramente, acho que temos algo de esquizofrénico como povo.

    bjs

  4. Fevereiro 26, 2010 10:31 pm

    A mim, o que me chateia é não assumirmos. Somos mesmo um país de baldas chico espertos!

    É consensual que a maior parte das pessoas vive melhor do que há 30 anos, e, por isso, a balda não será tão má assim.

    Se vivemos melhor porque a UE pagou, o Estado esbanjou, ou fizemos um esforçozinho para isso, é irrelevante. De uma maneira ou de outra lá nos vamos adaptando ao ESQUEMA.

    A Paula tem razão quando diz que há excepções, algumas brilhantes, mas o simples facto de as reconhecermos como excepções, mostra como a grande maioria é cinzenta e amorfa.

    Os velhos são a única classe que merece a minha consideração. Já não conseguiram adaptar-se ao “salve-se quem puder”, foram abandonados pelos filhos, ignorados pela sociedade e desamparados pelo estado.

    Portugal será grande quando os portugueses forem grandes. Isto não tem nada a ver com governantes.

    Abraço

  5. bp63 permalink*
    Março 3, 2010 10:39 pm

    Kurioso

    Claro que estamos cheios de coisas boas mas estão sempre à margem, a regra geral é uma maioria silenciosa que moe e moe tudo, quer pelo discurso quer por depois, na prática, moerem esquemas para se safar tudo no mesmo caldeirão.

    Agora, como diz, uma coisa não podemos negar, vivemos melhor. Até quando? Os alicerces que suportam isso podem estar a ruir. Se calhar não, sempre fomos assim e no sáfamos. Fernão mentes? Minto!

    Abraço

  6. Amigase Mocambicana. permalink
    Fevereiro 22, 2015 11:50 am

    AQUI LI ISTO…..”””””- Isto está cada vez pior e a culpa é outra vez do Mário Soares, já não lhe bastou ter entregue tudo aos pretos, agora põe-nos a nós a pão e água, só impostos, só a sacarem o nosso para eles se encherem à grande, ele cada vez está mais bochechas, pois não, ao que roubam, bem podem engordar a pança. Isto, precisa é de um novo Salazar.””””

    Sô quero dizer…. “Aos pretos” …mas o que é isso??? Esses “pretos” são tão mocambicanos como eu, que sou branca…
    Alem do mais é um racismo de MUITO POUCA OU NENHUMA .EDUCAÇÃO

    • Bau P permalink*
      Fevereiro 22, 2015 5:20 pm

      Claro que é racismo. Por isso está aqui. Precisamente para mostrar como os comentários populares o sao. Lamento que não tenha percebido o sentido da ironia do texto. São duas personagens que vão falando ao longo do tempo, um taxista e uma velha senhora. Não sou eu. Por isso não me venha falar em educação. Faça uma leitura mais atenta.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: